WhiskeLouco

domingo, 10 de junho de 2007

Vovó vendia maconha para sustentar seu vício no bingo

Uma senhora de 62 anos, que tinha como único pecado aparente gastar seus trocados no bingo da cidade, foi condenada a três anos de cadeia e a uma multa de 150 mil dólares (320 mil reais). O "probleminha" da vovó é que, para sustentar seu vício pelo jogo, ela vendia droga. Muita droga.

Depois de receber uma denúncia anônima, a polícia do Arizona, nos Estados Unidos, flagrou Leticia Villareal Garcia com a quantidade impressionante de 97 quilos de maconha no porta-malas.

Jurando inocência, a idosa disse ao juiz que não tinha idéia de como todo aquele fumo foi parar no seu carro. Disse também que no dia anterior havia emprestado o carro ao padrinho de seu filho. O advogado alegou que ela foi usada como "mula cega".

Dona Leticia contou também que sempre joga no bingo, e de vez em quando fatura alguns milhares de dólares. Bem mais do que os 275 dólares que ela recebe por mês de uma neta caridosa.

O promotor Doyle Johnstun não engoliu a história. "Ela é viciada em bingo. Isso explica por que uma pessoa tão amável acaba se envolvendo em um crime como esse."

O juiz ia condená-la a 12 anos e meio de prisão, mas o promotor pediu para aliviar a pena - por causa da idade e da ficha limpa da vovó traficante.

Fonte: G1

4 comentários:

Bruna Budiski disse...

AHAHAHAHA Meu Deus onde esse mundo vai parar?
Acho q vou ter q virar fã desse blog!ahaha

Bjão querido!

Ana disse...

UHAuhuHUhuHAUhUAHAUh!

GOSTEI GOSTEI!

rsrs!

beijãão!

Amanda Sardinha disse...

Inacreditável.
AHAHuhaUAUHhuuhuA

BjOos*

Simone disse...

COitada da velhinha...
Qual vício será mais caro, o do bingo ou a maconha?
Eu aposto no bingo!

uahuiahuihauhiauhaha